sexta-feira, 27 de dezembro de 2013

Ameaça Invisível

O assédio moral é considerado um mal invisível, pois ninguém pensa em passar por isso e só se dá conta de sua existência quando já aconteceu ou está em andamento.

Drone

Um Veículo Aéreo Não Tripulado (VANT) ou mais conhecido como drone (zangão, em inglês), é todo o tipo de aeronave que não necessita de pilotos embarcados para ser guiada. Esses aviões são controlados a distância, sob a supervisão e governo humanos, ou sem a sua intervenção, por meio de Controladores Lógicos Programáveis (CLP).

Os VANTs ou drones foram idealizados para fins militares. Inspirados nas bombas voadoras alemãs, do tipo V-1, e nos inofensivos aeromodelos rádio-controlados, estas máquinas voadoras de última geração foram concebidas, projetadas e construídas para serem usadas em missões muito perigosas para serem executadas por seres humanos, nas áreas de inteligência militar, apoio e controle de tiro de artilharia, apoio aéreo a tropas de infantaria e cavalaria no campo de batalha, controle de mísseis de cruzeiro, atividades de patrulhamento urbano, costeiro, ambiental e de fronteiras, atividades de busca e resgate, entre outras.

Esses veículos aéreos não tripulados usados em combate se tornaram polêmicos por conta de inúmeras mortes de civis em campos de batalha. A cena é conhecida- uma imagem do local a uma distância considerável, uma mira no visor e uma explosão certeira- pronto, eliminou- se o inimigo sem que ele se desse conta disso. Nem se tem tempo de ter medo.

Mistérios da meia noite

Já a superstição povoa a mente humana desde os primórdios. O medo do que possa estar oculto sob a escuridão alimenta nossa imaginação desde a infância. Quando adultos, o além, como chamamos, se torna objeto de nossa curiosidade e temores, pois aquilo que não se explica nos paralisa.

Inúmeros personagens surgem de lendas, mitos e histórias como o lobisomem, vampiros, fantasmas, mortos vivos; no Brasil, superstição, religião e folclore se fundem e temos a mula sem cabeça, o saci, o curupira...

Nas ciências ocultas temos um sem número de seres que povoam outras dimensões. Cascarões, larvas, não vivos, entidades milenares ou criadas, anjos, demônios, golens, gênios entre tantos.

O homem invisível

Na ficção temos o eterno desejo da invisibilidade e as questões ético/ morais envolvidas. Imagine se ninguém o visse, sob o manto da invisibilidade, que oportunidades estariam à sua espera, não é? Vingança, luxúria, ganância...ao que parece o efeito não é dos melhores.

O Homem Invisivel é um livro de H. G. Wells em que o protagonista se torna completamente invisível. Obra-prima de Herbert George Wells, certamente o mais destacado entre os percursos da ficção científica, narra a história de um cientista que, após uma experiência parcialmente bem-sucedida, muda para um pacato lugarejo, gerando uma série de especulações. Com hábitos estranhos, humor instável, e sempre com o rosto enfaixado, chama sempre a atenção dos moradores da cidade.

A Natureza

Na natureza a camuflagem ou a furtividade são armas que se utiliza para levar vantagem sobre um predador que está acima, ou de uma presa que se encontra abaixo na cadeia alimentar. Ou, pode ser o caso de simplesmente não ser uma refeição. Enfim, são inúmeros os exemplos.

Mas, como se defender de algo que não se sabe sequer existir? Como eu poderia imaginar que estaria sendo alvo de um colega invejoso e que isso iria desencadear um processo de assédio moral inimaginável? Como eu poderia não saber disso se este tipo de violência é tão antigo quanto a própria humanidade? 

Percepção

Pois, é! Perceba. Percepção é tudo aquilo que nos chama a atenção de alguma maneira. Mas, será que terei que ficar paranóico achando que em cada canto alguém está tramando puxar meu tapete? Evidente que não. Aliás, é tudo o que não se deve fazer, já que na mente de um megalomaníaco ele se enxerga como um predador. Representar o papel de vítima é tudo o que precisa um demente desses para justificar o injustificável.

Ocorrendo o assédio moral, é claro, que a pessoa lesada será classificada como vítima para efeitos de tipificação do ilícito e provável indenização. Também é certo que do ponto de vista psicológico haverá repercussões que deverão ser tratadas. Mas, se alguém reproduzir em seu subconsciente o discurso do agressor de que ela é vulnerável, então, essa pessoa fez exatamente o que o assediador queria

E como eu sei disso? Foi exatamente o erro que cometi no começo. É lógico que eu não estava consciente disso, mas é exatamente esse o ponto que estou abordando nesta postagem. Eu não me imaginava passando por um processo de assédio moral. Repito: ninguém o faz, por uma evidente razão: não é natural isso acontecer. É tão absurdo que sequer pensamos a respeito, até o dia que nós vemos envolvidos.

E os assediadores agem como os drones. A covardia é o combustível que os alimenta. De longe, enviam seus aduladores tele-guiados, seres sem vontade própria, zumbis que obedecem as ordens de seus bruxos para atacar aqueles que por algum motivo qualquer lhes causaram um mal estar, como, o fato de yexistirem, por exemplo.

Mas, uma coisa incrível acontecesse você o detectar ( o assediador ) e expor sua localização. Ele mostrará sua verdadeira face. Antes, o sorriso, tampinha nas costas, diplomacia; depois, a raiva, cólera e revanchismo de um ego arranhado.

O tiraninho

Uma jornalista e ativista foi brutalmente agredida em Kiev, capital da Ucrânia, no último ataque de uma série contra manifestantes e membros da oposição a Viktor Yanukovych em meio a semanas de protestos pedindo a saída do presidente e de seu gabinete, de acordo com informações da agência AP.

Tetyana Chernovil, 34 anos, foi atacada quando dirigia até sua casa. Seu carro foi encurralado por outro e, ao tentar fugir, teria sido agredida por vários homens. A jornalista teve uma concussão, além de fraturas no nariz e rosto, de acordo com seu marido, Mykola Berezovy. O incidente aconteceu horas depois de Chernovil publicar um artigo sobre uma residência que estaria sendo construída para o ministro Zakharchenko.

Veja, que está é a verdadeira face do invisível. Quando exposta demonstra todo o seu horror. Da mesma forma há um monte de tiraninhos iguais ao político ucraniano por aí. Se instalam por meio de esquemas sujos, corrompem e são corrompidos, se insinuam na calada da noite e das irregularidades para enriquecerem ilicitamente.

Tais seres não se importam com nada ou com ninguém, a não ser eles próprios. Seu prazer é emular as mentes fracas para lhes servirem e depois de se cansarem delas, as descartarão como dejetos sem se importar o quanto lhe foram "leais".

O Cristo

Jesus em sua peregrinação falou deste tipo de perverso que ostenta uma aparência  vislumbrando a admiração dos outros, mas que esconde sua verdadeira natureza pútrea. Eles viviam questionando tudo, até mesmo os milagres que o mestre fazia, afinal quem fizesse o bem os incomodava.

Disse o mestre: "...Ou fazei a árvore boa, e o seu fruto bom, ou fazei a árvore má, e o seu fruto mau; porque pelo fruto se conhece a árvore.
Raça de víboras, como podeis vós dizer boas coisas, sendo maus? Pois do que há em abundância no coração, disso fala a boca.
O homem bom tira boas coisas do bom tesouro do seu coração, e o homem mau do mau tesouro tira coisas más." Mateus 12:33-36

Perceba que há milênios foi dado a chave que abre os mistérios do invisível pelo mestre nazareno- acautelai-vos, disse ele.



Raniery

raniery.monteiro@gmail.com
@Mentesalertas
http://mentesalertas.tumblr.com/
http://mentesalertas.wordpress.com/